quarta-feira, 18 de abril de 2012

Sala de jantar renovada

Requintada e muito atual, esta sala de jantar de 12 m² reúne todos os predicados de um gostoso ponto de encontro: é prática, confortável e cheia de estilo.


A elegante tonalidade escolhida para as paredes (Cavalo-Marinho, ref. E378, da Suvinil) aquece a sala. O branco, presente no teto, na porta de correr e no rodapé de 10 cm de altura, realça ainda mais a cor.


Quadros de colorido vivo rejuvenescem o espaço.  Apliques de linho, algodão e tecido adamascado formam a cúpula da luminária pendente. A peça foi instalada a 80 cm do tampo da mesa, de modo a distribuir a luz sem ofuscar a vista.



Sob o passa-pratos, a madeira escura do gabinete embutido confere profundidade à composição.


Próximo à mesa, o passa-pratos é a sensação da sala. Além de prática, a abertura com 1,24 m de largura destaca-se pelos recursos decorativos – como o acabamento na parte superior, feito de papel de presente. As folhas receberam cola branca diluída em água (1:1), aplicada com rolinho de espuma. “Espalhe a mistura, espere secar um pouco e só então assente o papel, com a ajuda de uma régua, para que fique bem esticado. Corte as rebarbas”, ensina a repórter visual Tatiana Guardian. “Verniz em spray, fosco ou brilhante, finaliza o trabalho.” Embutido sob o passa-pratos, o gabinete, sem os pés, apoia-se em uma base de alvenaria. Como o móvel tem 39 cm de profundidade, parte dele fica visível na cozinha. A sugestão é que a prancha do balcão se estenda, formando um L e disfarçando as costas do armário.

 

A janela do tipo guilhotina,fecha o vão – quando se quer integrar as áreas, ela corre para cima, deixando aparente uma faixa estreita de papel. “O espelho amplia visualmente o espaço”, diz Antonia. Em vez do kit pronto, trilhos, roldanas e tramelas foram comprados separadamente. .